ESAB aplica protocolo de segurança HTTPS em todas as suas páginas web

protocolodesegurança

Recentemente o Google vem incentivando a implantação do protocolo de segurança criptografada HTTPS, beneficiando os sites que o utilizam, com o objetivo de garantir a idoneidade dos acessos por meio do Google, além de prezar por uma internet mais segura.

Com essa modificação as páginas que não estiverem adequadas serão sinalizadas como “não seguras”, enquanto os sites protegidos receberão o tradicional “cadeado”. Além disso, os sites em protocolo HTTPS serão favorecidos nos resultados das pesquisas.

A ESAB já utiliza como padrão o protocolo de segurança HTTPS desde 2004, em formulários (inscrição/matrícula) e também no ambiente virtual de estudos, com o objetivo de garantir a segurança dos dados do aluno e da instituição, envolvidos nos procedimentos com transmissão de informações.

Com o intuito de prezar cada vez mais pela privacidade dos alunos e de aderir esse movimento incentivado pelo Google, a ESAB ampliou ainda mais a segurança já estabelecida, aplicando o protocolo de segurança HTTPS em todas as páginas da ESAB. O resultado final é uma navegação muito mais segura para discentes e visitantes.