Home www.esab.edu.br
Educação

Pernambuco – Professores da rede particular deflagram greve

Os professores da rede particular de ensino de Pernambuco decidiram deflagrar greve em assembleia realizada na manhã desta segunda-feira (4). No total, cerca de 480 mil alunos serão afetados. Estavam presentes na reunião mais de 600 participantes do Sindicato dos Professores no Estado de Pernambuco (Sinpro-PE).




Após a assembleia, os docentes organizaram passeata e agora seguem pela Avenida Conde da Boa Vista protestando. Às 14h, está marcada mais uma rodada de negociações entre o Simpro, o Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de Pernambuco (Sinepe) e o Ministério do trabalho. Após a passeata, os professores seguirão para Delegacia Regional do Trabalho e Emprego de Pernambuco (DRT- PE), na Avenida Agamenon Magalhães, onde ocorrerá a reunião. Os rumos da greve serão decididos após a rodada de negociações desta segunda (4).

Professores decretaram greve e saíram em passeata pelas ruas do centro do Recife

Professores decretaram greve e saíram em passeata pelas ruas do centro do Recife



A categoria reivindica a unificação do piso em R$ 10 a hora/aula. Atualmente, o piso é de R$ 5 para os níveis Infantil e Fundamental 1 e R$ 6,40 para nível Médio ou Fundamental 2. Os professores ainda exigem pagamento de vale-refeição, adiantamento do 13º salário e estabilidade da professora lactante.

A paralisação havia sido decretada na última quarta-feira (30) e foi referendada nesta segunda (04). Naquele mesmo dia, o Sinpro-PE deveria ter se reunido com a entidade patronal, o Sinepe, e o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) para a oitava rodada de negociações, mas o representante do Sinepe não compareceu à reunião.

Fonte: http://ne10.uol.com.br/

comente: